terça-feira, julho 15, 2008

Viva Banksy!!!



Banksy é um misterioso artista de rua. A sua identidade tem sido resguardada da curiosidade mediática ao ponto de a vaga possibilidade de ter sido descoberta constituir notícia.

Tenho uma profunda admiração por este grafiter anónimo. Não é só a qualidade plástica dos seus stencils que me fascina, é também o facto de se assumir como uma sombra num mundo de vedetas vazias sempre em busca das luzes dos holofotes que o faz merecer a minha admiração.

A fazer fé nas notícias que têm vindo a público nos últimos dias, Banksy será um tal Robin Cunningham, um Robin Hood da arte contemporânea que nos tem oferecido algumas das imagens mais críticas e interessantes do mundo que nos rodeia.

Seja ele quem for é um artista enorme com lugar assegurado nos compêndios que estejam a ser elaborados. Banksy é o protótipo do artista urbano e, até ver, o mais criativo e influente dos artistas contemporâneos. Por muito que isso custe aos críticos de arte frequentadores de vernissages e escrevinhadores de textos melífluos para publicar em suplementos dominicais.

Viva Banksy!!!

Segue as hiprligações...

5 comentários:

MUMIA disse...

julgava que era um tipo mais novo,
é cada surpresa.
De certeza que é o gajo???

jo-zéi disse...

neste momento oiço os B-52`s(na rádio)...tem tudo a ver com a estética do Banksy, não achas???

Ana B. disse...

viva mesmo! ^^

pandoracomplexa disse...

viva o homem da pinchagem com "tomates".

Silvares disse...

Cá pra mim é o avô desse gajo que te parece demasiado velho. O Banksy, na verdade, não existe. É imaginação nossa.

B 52's e Banksy... mmmmh, talvez. Eu é mais Clash que me parece completar aquela cena. Os B 52's são demasiado festivos. O Banksy tem qualquer de dramático, romântico, mesmo.

Viva 100 vezes!

Pichagem com tomates... peludos... como os de um ursinho.
:-)