quarta-feira, novembro 07, 2007

Caldo entornado

Já não há mais paciência para a completa incapacidade, diria mesmo, para a total incompetência da Ministra da Educação e a sua equipa de anõezinhos. São incapazes, são mal preparados e, sobretudo, mal formados. Não prestam e dão provas da sua azelhice a cada dia que passa. Não bastava a indignidade do Estatuto do Aluno, uma medida inacreditável que apenas passa na Assembleia da República graças a uma maioria parlamentar do Partido Socialista que se caracteriza pela absoluta subserviência à voz do dono.
Nas escolas somos diáriamente confrontados com novas portarias, despachos e outras imbecilidades impostas nas mais variadas formas legislativas, num festival de burrice total e desconhecimento absoluto. A Ministra tem de ser imediatamente afastada do cargo levando com ela, pela mão, os seus secretários de estado e bem podem ir para o raio que os parta.
Estou absolutamente indignado com a forma como as escolas estão a ser tratadas por estes assassinos da educação, esta espécie de corja de talibans suicidas que a cada dia enterram mais e mais um sistema educativo moribundo que assim desce à cova quando ainda respira.
Uma lástima!
Este post é um desabafo, uma manifestação de raiva profunda, provocado pela impotência que sinto perante a imposição de regras que sei (todos os professores sabem!) serem catastróficas para a nossa vida profissional e, pior, para o bom funcionamento da vida nas escolas por esse país fora.
Ministra para a rua, já!

3 comentários:

Eduardo P.L. disse...

Silvares,

aí, como aqui, a incompetencia campeia....à larga!

Silvares disse...

É lamentável amigo.

MUMIA disse...

parece que os professores são a corja desta sociedade de m****! Tratados abaixo de cão.