terça-feira, abril 25, 2006

Será tanto assim?


Quando olho para Cavaco Silva há uma coisa que me incomoda e inquieta. É a sensação de que não tem sentimentos de gente.
Como hei-de explicar? Parece incapaz de ultrapassar o óbvio biológico. Percebe-se bem que respira, executa gestos razoavelmente coerentes e é capaz de pensar. Só que o âmbito do pensamento do nosso presidente não parece particularmente alargado.
Não o imagino capaz de assistir a, por exemplo, um filme de Tim Burton na companhia dos netos (ou da neta, não conheço a árvore genealógica da família presidencial) descontraídamente. Não o imagino a ler um livro de contos de Tchekov sentado na cama com a companhia de um candeeiro cúmplice e os óculos na ponta do nariz. Parece-me incapaz de assitir com prazer a uma peça de Shakespeare ou a um jogo de futebol ao vivo, no estádio.
Tenho a sensação de que não possui qualquer traço de inteligência emocional e não consta que tenha interesses muito variados.
Talvez eu esteja enganado, talvez não seja tanto assim, mas não sou capaz de evitar olhar para ele e sentir uma pontinha de angústia por ser o representante, o magistrado supremo da nação portuguesa.
O pormenor de ter lido o papel sem cravo vermelho na lapela no discurso comemorativo do 25 de Abril, na Assembleia da República, mostra que não é tão inocente e bem intencionado como quer parecer. Sim, porque afinal cantou a Grândola em plena campanha eleitoral, se não estou em erro, no Alentejo. Isso mostra como a honestidade intelectual não está ao alcance de todos.
Já tenho saudades de Jorge Sampaio.

5 comentários:

Sofia Loureiro dos Santos disse...

Cavaco Silva surprendeu-me. Já não é mau quando alguém que achamos igual a um robot ser surpreendente. Merece esse crédito.
O cravo vermelho já era de mais. Se o levasse era desmentir a sua tese - falta de inteligência emocional!

Cristina Loureiro dos Santos disse...

Será que ele pensa mesmo? Parece-me mais um robot...E o não ter levado cravo não me surpreendeu nada...apenas me entristeceu...como tu, tive saudades do Sampaio.

alice disse...

essa da Grândola Vila Morena foi muito bem lembrado!! vou fazer um post sobre a hipocrisia do presidente!

fada*do*lar disse...

Por causa do cravo (ou falta dele...), vim agora da Alice e coloquei lá este link:
http://major-alverca.blogspot.com/2006/04/o-nosso-reporter-estava-l.html

Nem sempre rir é o melhor remédio, mas pôr ao ridículo esta criatura, nunca é demais.

dale music disse...

Foi o melhor não-retrato que já li acerca da múmia presidencial