segunda-feira, fevereiro 09, 2009

Um conto de fadas contemporâneo


"Quem quer ser bilionário" é um conto de fadas, uma história infantil contada a um público heterogéneo. Utilizando uma linguagem narrativa perfeitamente adequada ao mundo mediático que nos submerge, Danny Boyle parece ter encontrado (finalmente?) um forma eficaz de ir ao encontro do grande público.

A forma como a história vai sendo desfiada(em flashback), as cenas cortadas e recortadas em planos curtos e montados em rápida sucessão, à maneira dos vídeo clips, cenas com saturação de cor extrema, a banda sonora poderosa, actores escolhidos com felicidade e acerto (vejam-se as crianças!) tudo isto se conjuga num filme capaz de apaixonar multidões.

O facto de a acção se centrar num programa de TV cujo formato é popular em todo o planeta (toda a gente já viu aquele programa produzido no seu próprio país e na sua língua materna) ajuda a entrar na história com o pé direito e muita segurança. Depois, lá no fundo, narra-se uma aventura sobre o velho mito do amor eterno, com príncipes e princesa, tendo por cenário uma miséria exótica e a possibilidade de ascender na escala social graças a um conjunto de acasos extraordinário. O protagonista acaba por vencer mas apenas por acaso. O amor sincero é protegido pelos deuses? Parece que sim.

8 comentários:

Eduardo P.L disse...

Este com toda certeza não vou assistir! Por várias razões! Entre elas que jamais irei a Florianópolis ( 80Km) de estrada para assistir no cinema mais próximo!

Alice Salles disse...

Estou tentando me forçar a ir ver esse filme só porque todos dizem que é ooooootimo e não tenho um pingo de vontade! Será que eu sou anti-popular? Ótima resenha como sempre, Silvares!

Silvares disse...

Eduardo, viver no paraíso tem o seu preço. Não há perfeição na obra desse Deus que fez este mundo com um cinema tão longe de sua casa!
:-)

Alice, o filme é muito fácil de ver. Por isso é tão popular. Não tem nada de errado, apenas apela à nossa sensibilidade de uma forma um tanto pueril. Vai ver. É bonitinho mesmo!
:-D

Ogre disse...

Há pessoas que não fazem mais nada na vida, francamente, tanto cinema já chat(faz inveja)a.

Eduardo P.L disse...

Silvares,

OBRIGADO por ter chamado a atenção para o texto da CA:MILA, sugerido pelo Gustavo. Grande achado. Varal e Blog Viciado para ela!

jugioli disse...

Silvares, ótima sugestão. Anotado, depois volto para dar um parecer.

bjs.

JU

disse...

Este não vi...mas ontem fui ver
"O leitor" de novo com a extraordinária Kate Winslet...
Chorei tanto...tanto...Gostei tanto tanto...que ainda estou pensando antes de falar qualquer coisa...

Silvares disse...

Ogre,é por fases. Nos últimos só tem dado trabalho, trabalho... quase.

Eduardo, há ali talento!

Ju, espero que se divirta.

Ví, "O leitor estreou esta semana. Já está na lista. Mas, esta semana, a lista apenas tem vindo a "engordar". O cinema vai ter de esperar durante os próximos tempos.