sábado, julho 08, 2006

Ó Que Cenaça!

Os Ó Que Strada estão em grande forma! Se calhar sempre estiveram... é o mais certo. Esta noite assisti a uma das suas celebrações de vida e energia no Teatro Nacional D. Maria. O foyer cheio, a deitar por fora, a música a jorrar em catadupa por sobre as cabeças dos presentes.
O Jean-Marc, o Zeto, o Sá, a Marta, todos em festa no palco e à volta dele, mas a figura que me prende mais a atenção continua a ser o Lima.

Com este gajo a guitarra portuguesa é um instrumento impossível, uma coisa de outro mundo, um OVNI, um poço de som sem fundo nem tampa. A inventividade musical deste portento com dedinhos de prata é digna de nota. O grupo é coeso e tudo faz sentido. Uma festa a não perder caso se possa participar.

Continuam até dia 21, se o jornal não estiver errado, às sextas-feiras a partir da meia-noite. Como os fantasmas. Mas que fantasmas, senhores!

Se não é lindo anda por lá perto.

1 comentário:

jorge disse...

o lima é uma moca !

abraço.