segunda-feira, dezembro 29, 2008

2009 está quase aí (parte 2)

Banksy, evidentemente
(pelo menos é o que está registado... e parece!)

Não quero ser como as concorrentes a Miss Mundo: "O meu maior desejo é que haja paz e concórdia em todo o planeta e que a pobreza desapareça e as criancinhas sorriam para a fotografia", tretas dessas. Não tenho peito para tanto.

Também não quero desesperar como os que imaginam que o fim do mundo tem nova data. Agora fala-se no dia doze do décimo segundo mês de 2012. Os profetas da desgraça sempre encontram um número redondo que lhes meta medo.

Não quero ser demasiado bom nem demasiado mau. Não quero ser demasiado crédulo nem tão incrédulo como é costume. Gostaria de encontrar um ponto de equilíbrio, um lugar comum que não fosse tão evidente quanto seria de esperar. A banalidade consciente não é tarefa fácil. Fácil é dizer que tudo está mal ou acreditar em alguma força extra-humana capaz de orientar o universo num inesperado caminho de paz e amor, enviar para o nível do desconhecido a providencial capacidade de fazer um trabalho que é nosso. Cristo não vem e, caso apareça, nada garante que seja bem recebido.

Quero acreditar que posso mudar o mundo. Quero acreditar que tu podes e queres mudar o mundo. É nisso que deposito a minha fé bem como deposito a minha razão. Na nossa capacidade de mudarmos o mundo nas pequenas coisas que dependem das nossas acções.

Estou quase a chegar lá. Mais um dia e poderei declarar os meus votos para o próximo ano. 2009 está quase aí!

11 comentários:

ovelha.negra disse...

Ok, eu ajudo-te a mudar o mundo. Pelo menos, tento.

A ver se acrescento isso aos meus votos, também..

Beto Canales disse...

eu to ficando ansioso, curioso...

Eduardo P.L disse...

Belo texto e bom suspense!
O que virá por aí????

expressodalinha disse...

Se todos dermos as mãos, vamos salvar o mundo! (não estavas à espera esta).

roserouge disse...

Silvares, cá pra mim, a nossa Miss Mundo é o expresso...
Um excelente 2009 pra ti também!

luzdeluma disse...

Hum...a teoria do sete pilares, é isso? Se não for, é quase isso! (rs*)
A melhor maneira de viver é mesmo viver um dia após o outro, bem e sem resignação!
Espero que seu natal tenha sido repleto de paz e harmonia!
Já, já Feliz 2009! Então, existe um número redondo para isto também!
Que ele seja cheio de coisas boas, realizações e força pra enfrentar os dias difíceis que por mais que a gente não queira, sempre chegam!
Se cuida!
Beijus

luzdeluma disse...

Lembrei tarde, ã? Não é sete pilares e sim sete profecias Maias! Beijus

Ogre disse...

Já não voto. 2009 será ano de muitas eleições e eu já não voto. Já não dou as mãos, não quero saber de pilares nem acredito em profecias. Quanto a mudar o mundo, o melhor é mesmo que estoire... E profetas: antes Madoff que lixou os gajos da massa, ao santo Obama a quem todos promentem garrafinhas de azeite. Mesmo assim, um bom Ano!

disse...

Caro Silvares
Valores,justiça,existências individuais e coletivas...tudo tão relativo...Hoje pela manhã ao abrir os jornais me deparo com uma enorme fotografia de quase página inteira, de duas crianças lá pelos seus oito nove anos com ódio em seus olhos e pedras em suas mãos à frente de uma barricada de labaredas...ISRAEL avança em "Guerra Aberta"contra o Hamas...Dizem que tudo isto é pra que Israel volte a ser temido depois da fracassada guerra contra o Hezbollah em 2006... Temor ...o que rege o mundo...Como ter valores Universais se cada "pedaço" desta nossa terra tem cabeça e pensamento próprio,culturas e crenças e motivações tão distintas? Como encontrar um ponto de equilíbrio e não ser nem a Miss mas também nem o profeta da eclosão final?Mudar o mundo me parece a cada dia tarefa mais ingrata...mas sim, as pequenas coisas são as que nos levam para frente...e o equilibrio me parece estar em cada um de nós em nossos cotidianos.Não querendo ser redundante mas...talvez por me ver de repente momentaneamente tão limitada por uma hérnia de disco,mais do que nunca realizo que o que posso realmente DESEJAR para você e para todos é a velha e bôa SAÙDE...Sem ela, meu caro amigo, nada fazemos...mas uma coisa é certa é sem ela que realizamos ainda mais que,como diz Drummond..."É dentro de você que o Ano Novo cochila e espera desde sempre" ...a nossa razão... sempre.

Um grande abraço e obrigada por nos proporcionar um 2008 de tantos momentos brilhantes na leitura dos textos de suas fantásticas ...100 Cabeças!
Tudo de Bom...

Alice Salles disse...

É isso.
Vamos mudar o mundo, mudamos a cada segundo, muitas gentes mudam o mundo o infeliz dessa história é que muitas mudam de um jeito que é mais tosco do que elas mesmo são. Ah! Mas não a gente! Nós vamos mudar o mundo e vamos terminar a frase, "vamos mudar o mundo para melhor!", em que sentido? Precisamos descobrir, mas que vamos, isso vamos! E quevenha o ano novo!

Silvares disse...

Força ovelhinha...

Beto, Eduardo, não esperem grande coisa. Estou a usar uma narrativa de filme de suspense mas o final pode ser menos bombástico do que estão à espera.
;-)

Jorge, realmente não estava à espera.


Roserouge, não sei se ele tem peito para isso!
:-)
Bom ano também para ti.

Luma, longe de mim pretender ir buscar sete pilares onde quer que seja!
:-)
Não tenho bem a certeza do aspecto e fundamento desses pilares.
Beijos tb pra ti.


Vá lá Ogre, não te fiques demasiado pelo pântano. Oferece uma garrafinha de azeite ao santinho, vais ver que alivia.

Ví, é certo que o mundo está o caos do costume (alguma vez terá sido um local pacífico?) mas há outros mundos, mais próximos de nós, que poderão melhorar. Espero que recupere a saúde, sinceramente.

Alice, o que falta é sermos capazes de definir o que é "melhor"...