quinta-feira, agosto 02, 2007

Férias (Silly season)

Visitantes deslumbrados com o painel "As Tentações de Santo Antão", de Bosch, a pérola mais valiosa do espólio do MNAA, na opinião da minha centésima cabeça (os mais atentos não deixarão de observar a parte de trás dos volantes com magníficas cenas pintadas em grisalha, um luxo absoluto!)


O 100 Cabeças prepara-se para partir em viagem. Berlim é o destino. Durante 5 dias percorrerei, acompanhado da família mais chegada, a capital alemã, numa viagem que promete muitas imagens e um ambiente urbano diferente daquele que temos por estas bandas da Velha Europa.

Entretanto uma notícia deixa o 100 Cabeças de cabeça confusa, a confirmar em pleno o clima típico da silly season. O afastamento da directora do Museu Nacional de Arte Antiga, Dalila Rodrigues, é uma surpresa incómoda e que confirma o ambiente tacanho em que vivem as instituições públicas no Portugal actual. (ler mais em http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1301166).
O facto de ter feito subir o número de visitantes de uma média de 75 mil para 192 mil (em 2006) bem como ter captado mecenato para actividades e obras de remodelação bem visíveis e que muito contribuiram para a melhoria evidente da qualidade do espaço de exposição bem como das exposições temporárias apresentadas, parece ter pesado negativamente na avaliação do desempenho de Dalila Rodrigues.
A razão do afastamento da ainda directora do Museu prende-se com o desacordo público e notório que esta sempre manifestou relativamente ao modelo de gestão dos museus nacionais. Estamos perante mais uma decisão arbitrária e sem qualquer tipo de fundamento, levada a cabo por uma administração incompetente e mesquinha, de um provincianismo que faz corar os pastores da Serra da Estrela. Com uma ministra da cultura como Isabel Pires de Lima tudo pode acontecer. Mesmo aquilo que, à partida, possa parecer impossível. Uma ministra muito "silly" e completamente fora de qualquer "season".

8 comentários:

Lord Broken Pottery disse...

Silvares,
Antes de tudo desejo-lhe boas férias, descanço, viajem agradável. Com relação ao resto do post prendo-me à inveja. Sucesso demais nem sempre agrada aos invejosos.
Abração

Silvares disse...

Obrigado Lord. No caso que relato no meu post é mais incompetência que inveja... o costume.

Eduardo P.L. disse...

Boa viagem, bom passeio, e a esperança de que a competência, um dia, triunfe!

Silvares disse...

Obrigado Eduardo. A competência anda um bocado maltratada mas no fim vai triunfar... senão estaremos muito mal.
:-)
Até um dia destes.

Eduardo P.L. disse...

Boa viagem! Ela triunfará! Você verá na sua volta!

O Profano disse...

Boas férias...

abr...prof...

LopesCa disse...

Mentes mesquinhas :(

Boas férias :)

Cristina Loureiro dos Santos disse...

Boa viagem. Boas férias. Diverte-te.
Beijos :))