sexta-feira, março 16, 2007

Objecto de tortura?

Cuidado! Acender um isqueiro descartável poderá vir a ser um gesto arriscado, apesar de toda a inocência que possa encerrar. Ainda agora estou de cigarro ao canto da boca e acendi-o com um BIC vermelhito, de aspecto inofensivo mas que, ao que parece, é na verdade um perigoso instrumento capaz de causar danos terríveis quando utilizado de forma leviana.
Pois é. Parece impossível mas é verdade, estamos prestes a ver este ícone do design contemporâneo passar para a lista de objectos proibidos por lei. Tal como a colher de pau, o isqueiro incomoda alguém com responsabilidades legislativas ao nível da União Europeia. Incomda a tal ponto que vai ser riscado do mapa dos consumos correntes.
A paranóia não tem limites. Estou para ver o que se seguirá. Ainda serão proibidos os atacadores de botas e ténis por poderem ser usados para suicídio por enforcamento ou mesmo os sacos de plástico por serem potenciais objectos de tortura. O Big Brother vela por nós, só espero que não esteja sempre a olhar! Raisparta esta merda! Ide velar pela pata que vos pôs. Da parte que me toca dispenso preocupações tão específicas e inúteis como esta. Chega a ser aviltante!

2 comentários:

Teresa disse...

realmente isto é uma autntica paranoia, um iskeiro que pode ser letal!!! incrivel com tanta coisa para ser alvo de preocupaçoes alguem se lembrou que um iskeiro pode ser objecto de tortura!!! Bem defacto qualquer dia estamos a uzar fosforos para acender os cigarros, ou retardamos no tempo mesmo ao ponto de bater pedrinhas para fazer lume!!!
Por amor de Deus!!! Seré que ninguem vê o quanto isto se está a tornar ridiculo!?
Esta cena do iskeiro ja perdeu a piada do estupido para ser defacto preocupante, mais uma vez eu fiko a pensar: onde é que este mundo vai parar?

fada*do*lar disse...

Hein???!!!
Os isqueiros vão ser abolidos? Esta escapou-me!
Alguém é capaz de explicar?