sexta-feira, abril 04, 2008

Anjinhos

Todos temos um anjinho que nos guarda das coisas más e nos orienta em direcção às boas. Um anjinho discreto que age apenas animado pela bondade divina que o sopra e inspira. A maior parte das vezes safamo-nos das boas sem saber como. Foi o anjinho. Outras vezes metemos a pata na poça de forma tão estúpida que o anjinho só pode ter estado distraído. Acontece.

2 comentários:

Eduardo P.L. disse...

Foi esse seu anjinho quem te disse que a história do cão era falsa?

Silvares disse...

Tenho a impressão que sim, amigo. li o teu post e fiquei a pensar. Também recebi e-mails com a petição e resolvi ir procurar mais informação. Sinceramente aquilo nunca me conveceu.