sexta-feira, maio 08, 2009

Hipnótico

Luísa Cruz como Harper Regan


Quero deixar apenas uma opinião rápida: Harper Regan de Simon Stephens, o espectáculo que estreou ontem na Sala Estúdio do Teatro Nacional D. Maria II, em Lisboa, é hipnótico. Luisa Cruz é fenomenal, Dinarte Branco tem momentos extraordinários, Cristóvão Campos revela-se e António Cordeiro compõe as cenas com segurança. Os restantes também me pareceram bem mas,como não sou crítico, nem sei que mais posso dizer dos actores. A encenação de Ana Nave confirma tudo o que de bom sabemos a seu respeito. O cenário de Rui Francisco funciona discretamente e os figurinos de Rafaela Mapril dançam sobre os estrados deslizantes. Não me quero alargar muito mas não posso deixar de dizer que me comovi (quase) até às lágrimas, que me ri com uma estranha vontade de não rir e que, no fim, quase parecia estar ainda no início. Caro leitor, se tiveres oportunidade não hesites e vai assistir a este espectáculo. Para quem gosta de Teatro em grande estilo.

7 comentários:

ks disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Eduardo P.L disse...

Ai que vontade!!!
Nada como um bom Teatro!

Lazpa Cllis disse...

Eu vou amanhã, mas quem é o Dinarte Braco?
Ehehehe...

expressodalinha disse...

OK. Obrigado pela dica.

Silvares disse...

Eduardo, neste caso nada a fazer.
:-(

Lazpa, já tem "n", detesto gralhas que defiguram.
:-)
Espero que concordes comigo ou, pelo menos, que aches tão intenso e interessante com o eu achei.

Jorge, se gostas de Teatro (repara que escrevi com "T") penso que não deves perder.

disse...

...sempre esta distância!peccatto!

Silvares disse...

Ví, como disse ao Eduardo, nada a fazer. Decerto que há excelentes espectáculos no Brasil. O Teatro é uma arte internacional e imortal!