terça-feira, março 18, 2008

Rota dos mamarrachos

O centro comercial conhecido como Fórum Almada (ou será Almada Fórum?), um forte candidato a figurar numa rota dos mamarrachos do concelho com a sua inenarrável sereia como ponto de interesse particular


Uma ideia para promover certas zonas dos país em termos quase turísticos: estabelecer rotas locais de mamarrachos. A minha querida cidade de Almada, por exemplo. Vítima do implacável correr do tempo, é uma cidade feia de meter medo. Debruçada nas costas do rio, mais para cá do que para lá, tem nas paisagens que rouba a Lisboa o ponto alto do interesse estético em termos urbanos.


A cidade, própriamente dita, é de fugir. A arquitectura caótica e a atávica ausência de um plano urbanístico fazem de Almada uma espécie de gigantesco projecto assinado por um qualquer engenheiro de quinta categoria. Horripilante e deprimente, são dois vocábulos que me assaltam a mente de imediato e sem esforço.



O ponto alto de Almada (literalmente) é o Cristo Rei. Mas os turistas deslocam-se em direcção a esse monumento ignorando a restante cidade. No lugar deles faria o mesmo. Mas, imaginemos, se houvesse uma promoção adequada de certos mamarrachos que não sei bem se desfeiam se alindam a cidade, talvez se pudesse aguçar uma certa curiosidade mórbida, levando os turistas a procurarem os locais indicados na perspectiva excitante de poderem gozar um pouco a desgraça alheia. Assim a modos que uma feira de enormidades com a mulher barbuda ou o homem-tronco a acender cigarros sem a ajuda de braços nem de pernas.



Quem diz Almada diz inúmeras urbes horrendas que pagam o preço de séculos de boçalidade e ignorância estética (para não falar da ausência de ética) e que pontuam o mapa de Portugal com os seus nomes tenebrosos. Aqui fica esta proposta, à atenção dos autarcas da minha terra: promovam-se as rotas dos mamarrachos. Façamos do horrível algo de belo, quanto mais não seja tentemos rir da nossa desgraça. Sem medos.

12 comentários:

Jo-zéi F. disse...

No noso país o que não faltam são mamarrachos(e cada um maior que o outro, tudo em grande) por isso seria fácil desenhar esse mapa das desgraças. E o prémio para a maior enormidade vai para...

Olaio disse...

Vê lá tu que o Almada Fórum (parece que é assim), até foi distinguido como Melhor Shopping Center da Europa 2003, e em 2004 voltou a ser premiado pelo ICSC - International Council of Shopping Centers, como Best Shopping Center of the World 2004.
Portanto... até nem é mau, segundo dizem.

Home Theater disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Home Theater, I hope you enjoy. The address is http://home-theater-brasil.blogspot.com. A hug.

jorge disse...

Concordo com a ideia da rota dos mamarrachos. Porque não incluir nessa rota o Estádio de Alvavalade e as casas do engenheiro (?) Sócrates?

Eduardo P.L. disse...

Silvares, falando em turistas : Gostaria de ter um bom ROTEIRO para conhecer o que há de melhor em Portugal, e claro incluindo Almada para nos conhecermos pessoalmente!

Eduardo P.L. disse...

Silvares,

a Jugioli presta uma homenagem ao seu blog!
Merecidamente!
Forte abraço,
e boa Páscoa!

João Samões disse...

o pior é que os mamarrachos possuem dotes valentes de força centrífuga e lá vão tal qual mimesis de buraco negro sugando a já pouca vida das ruas da cidade que já por si é perigosamente feia, desordenada (o que é em si não é um defeito mas em almada não é certamente qualidade) disfuncional...
ora eu cá de vez em quando lá me ponho a caminho do mesmo para me dirigir á fnac em busca de frutuosas leituras ou jazz para ensaboar o espírito,
por mim a fnac podia passar ali para os lados do atira-te ao rio e ter vista nocturna iluminada sobre o tejo e assim podiamos assentar o cu numa confortável cadeira e passar os olhos pelas leituras que queremos levar para casa. recomenda-se por exemplo os tristes trópicos do lévi-strauss. Por falar em cidade, gosto de um prédio na também bela cova da piedade que em 3 andares que possui tem no piso térreo um banco, no segundo um duvidoso centro de ajuda espiritual género igreja do sei lá quem e no andar de cima um ginásio de culturismo.Samões

Olaio disse...

Samões, estás a falar do antigo "Crisógno", que era um espaço de diversão magnífico, com restaurante, bar cervejaria no R/C, e nos dois outros pisos era só bilhares, snookers e máquinas de jogos. Uma autêntica feira popular no centro da Cova da Piedade.

Jo-zéi F. disse...

Rui: estás fora decirculação(???).

Silvares disse...

he lá, grande Jo-Zei, estive fora de circulação, sim, mas agora estou de regresso (com scanner e tudo!) Quanto ao prémio da maior enormidade acho que vai para o país, ele mesmo! Portugal é um belo mamarracho.

Olaio, amigo mio, se o Almada Fórum merece tal distinção, caraças, ainda bem que não vou a mais nenhum. Assim posso fazer um ar "blazé" e comentar de forma casual que frequento regularmente o melhor Shopping Center da velha Europa (olarilas!) a inveja que vou fazer aos meus amigos da estranja.

Jorge, o estádio de ALvalade faz parte de um outro roteiro, este bem mais sinistro: os estádios do europeu de futebol (particularmente os projectados pelo impenetrável Tomás Taveira:-). O pormenor das cadeirinhas coloridas dói.

Eduardo, quando vier avise. Será um prazer encontrar-me consigo!!! Estive estes dias todos sem acesso à NET, ainda não vi o Blogue da Ju.

Samões, também acho que a FNAC podia ficar em frente a Lisboa, mas isso é pedir ao mundo demasiada perfeição. Nem Deus se lembrava de uma dessas! Os xópingues destroem a vida das cidades mas também sempre te digo que há vidas e vidas. Almada está cada vez mais enferma. A Cova da Piedade é um local espectacular! O Olaio já localizou e identificou esse local que referes, uma coisa que não lembra ao Diabo.
:-)

linfoma_a-escrota disse...

WWW.MOTORATASDEMARTE.BLOGSPOT.COM

MRV disse...

Acho que pior que os mamarrachos, são os que beneficiam com os milhões do contrato dos mesmos. É triste, um país que se julga estar em pleno crescimento por construir grandes centros comerciais e por en cima ganhar prémios com eles. Bem sabem por mim onde podem meter os prémios...
Lisboa é uma cidade muito visitada por turistas todo o ano. Viajo frequentemente e cada vez que chego ao aeroporto de lisboa dá-me vergonha do que vai na cabeça do turista ao meu lado. Mas isso não interessa, o que vale é que que sempre se pode construir mais um mamarracho para tirar dinheiro a quem ja nao tem.
Almada, que triste caminho o desta cidade mas de gente muito boa mesmo.
Sempre curti a palavra mamarracho
Abraço