terça-feira, novembro 30, 2010

Jardinagem


Enxertar rebentos da realidade numa planta inexistente: essa é a actividade do artista, jardineiro de coisa nenhuma no magnífico jardim do Marajá.

7 comentários:

the dear Zé disse...

portanto, com este enxerto, é um belogue 2 em 1, é isso?

Silvares disse...

Não tinha pensado nisso mas se calhar é!
:-)

expressodalinha disse...

Ou será um de dois?

Beto Canales disse...

Boa dúvida...

Eduardo P.L disse...

Um poeta das colagens desenhadas! Ou seria um filósofo da poesia colada no desenho?

Rui Sousa disse...

Esta frase/ "poema" ( ou o que se queira chamar )é muito boa. É tua? ... gostei imenso

Silvares disse...

Jorge, agora estou definitivamente confuso. Já não sei o que isto é.

Beto, dúvida tortuosa...

Eduardo, essa vai acabar comigo!

Rui, sim, essa frase é minha. Quero dizer, era. Uma vez atirada ao espaço virtual é como as Pombinhas da Catrina.
:-D