sexta-feira, novembro 08, 2013

Equilíbrio

Hoje é dia de greve da Função Pública em Portugal. Os trabalhadores protestam, reclamam, esbracejam, esperneiam, mas nem migalhas têm a ilusão de vir a receber.

Neste dia veio a público uma notícia que dá conta do aumento do número de multimilionários no nosso país (ler aqui), apesar da crise... ou será por causa da crise? Não só são mais como estão mais ricos. O equilíbrio acentua-se: os ricos mais ricos, os pobres mais pobres.

Haverá algum dia a mínima possibilidade de inverter esta tendência?

2 comentários:

João Menéres disse...

Haver há. Mas muita água (ou sangue ) terá que passar por baixo das Pontes...
E como será a electricidade de
origem hidro-eléctrica ???


Um abraço.

Eduardo P.L. disse...

Havendo mais ricos é um bom sinal. O que não se entende é como também aumentam o número de pobres. Não devemos ser contra os ricos. Temos é que ser contra a pobreza. Contra ela só educação. Há quem se engane e pense em revolução. Já esta provado que as revoluções só fizeram aumentar as desigualdades, e trocaram o dinheiro de mão.